Blogue da Poppi

Este blogue pretende demonstrar que as mulheres não são meras donas de casa nem mães de família mas, que também conseguem ser desportistas e ter força de vontade e determinação!

domingo, dezembro 09, 2007

III Passeio Natal - ACCB

Oh!Oh!Oh! Eis que chegam o Pai Natal e a Mãe Natal ao local onde todos tínhamos combinado encontrar-nos. Lá estavam os nossos companheiros: Mário, Marcelo, Martim, Fidalgo, Filipe, João Valente, Paulo e Nuno Dias.
Ficámos à espera de mais alguém mas, como não chegava mais ninguém, decidimos arrancar para o local de saída, na antiga Piscina Municipal, onde se situa a sede da A.C.C.B.
Cá fora esperavam-nos o Agnelo e o Jorge. Permanecemos ali alguns minutos "babados" com a bicicleta de estrada do Agnelo, que é um autêntico show.
Depois de termos limpo a "baba", tirámos a tradicional foto de grupo, desta vez, junto à árvore de Natal que está ali no Pólis e arrancámos rumo à piscina.
Chegámos lá, bem quentinhos. Não sei se pelo calor da amizade, se pelo calor da subida que ainda era um pouco acentuada para quem tinha então começado a pedalar.
Confesso que estava com algum receio do percurso, pois tinha medo que houvesse algum acumulado e eu já não andava desde o dia 27 de Outubro (Encontro Canyon). No entanto, mais tarde, deu para confirmar o que já me tinham informado, o percurso foi bastante bem escolhido,trilhos técnicos q.b. e a paisagem... a paisagem estava lá à nossa espera, impávida, serena, linda...
Arrancámos por volta das 9 e 30, rumo a Caféde. Os participantes seguiram em grupo e permaneceram sempre assim durante todo o percurso. Foi espectacular!
Parabéns ao pessoal da organização por, este ano, conseguir incutir nos mais "aceleras" um espírito de passeio; pelo percurso que foi muito bem escolhido; pelas paisagens maravilhosas que nos proporcionaram e, sobretudo, pelo bom convívio que houve entre todos os participantes. Parabéns a todos estes por terem tido um grande espírito de solidariedade, paciência e bom companheirismo. Parabéns a todos e Um Santo Natal para todos nós.
Continuem a pedalar e que para o próximo ano seja, se não melhor, pelo menos tão bom como este.
Até lá, muá.
Poppi